Quem se juntou a nós durante a quarentena

quarentena

Quem se juntou a nós durante a quarentena?

25 de Maio de 2020

Hoje, dedicamo-nos aos nossos novos utilizadores. Sejam todos muito bem-vindos! :)

Reparámos numa criação de perfis acima do habitual durante o período do Estado de Emergência, que esteve em vigor entre 19 de março e 2 de maio devido à pandemia da Covid-19. Decidimos explorar alguns dados demográficos sobre estes novos utilizadores e partilhá-los convosco, não só para ficarmos com uma visão geral de quem somos enquanto comunidade, mas também para tirarmos algumas conclusões sobre o que a pandemia trouxe para o nosso site. Podem encontrar tudo na infografia abaixo.

Em março e abril tivemos mais 11900 utilizadores no Felizes.pt. Comparando com o mesmo período do ano passado, são mais 27%! E se antigamente havia picos mais acentuados nos acessos ao site, hoje todos os dias parecem iguais - há um acesso ligeiramente maior durante os fins de semana mas muito próximo de todos os outros. As sessões estão mais activas entre as 20h e as 23h.

Os nossos novos utilizadores são 54% homens e 46% mulheres, maioritariamente de Lisboa, Porto e Setúbal. Continuamos a ter uma predominância de solteiros mas reparámos que o número de divorciados aumentou e o de casados desceu. Será porque a quarentena obrigou os casais a passar mais tempo juntos?

E por falar em quarentena, o tópico da Covid-19 teve um boom nas conversas e nas descrições de perfis, nos últimos meses. Não se preocupem porque não andamos a ver. Apenas corremos um algoritmo para contar o número de vezes que a palavra foi mencionada. 65% das menções foram feitas por mulheres e 35% por homens, por isso, supomos que a maioria das nossas novas utilizadoras se registaram, em parte, devido ao isolamento.

Muito se tem falado no impacto que o coronavírus teve nas relações interpessoais e acreditamos que o isolamento nos deixou a todos um pouco mais sós. Mesmo vivendo com alguém, acabamos inevitavelmente por sentir uma distância dos amigos, família e até de colegas de trabalho. No entanto, esta distância prova-se maior com estranhos.

Lembram-se daquele nervoso miudinho quando conhecemos alguém pela primeira vez e há um clique instantâneo? Claro que as relações que já temos são muito importantes (mesmo!) mas o contacto num concerto apertado? E o apresentar o amigo/a no bar? O mistério daquela pessoa desconhecida que está ao nosso lado, como uma folha em branco em que nos preparamos para escrever, dá um. Esperamos que aqui tenham encontrado e continuem a encontrar as mesmas emoções que tanto nos alegram.



Partilhar no FacebookPartilhar
 
3 Comentários

Anita
Há 1 ano

I loaf you too Felizes!

Luciana
Há 1 ano

Primeira vez que entro em um siti como esse tem mais ou menos um mes e ja encontrei um grande amor ...na verdade foi ele que me encontrou estava descidida a sair do grupo e foi quando ele entrou e no mesmo dia me viu e mandou mensagens ... Abilio e luciana que o amor seja tudo para nos sejamos muito felizez optamos por sair do grupo para que possamos nos dedicar um ao outro ...

Luisa Brown
Há 15 dias

Felicidades

Inserir comentário

Inserir